Celebrações

A casa de Cash será restaurada

Para o primeiro post, resolvi falar sobre os diversos eventos que acontecerão esse ano para comemorar o 80º aniversário de Johnny Cash. Além dos tributos menores, espalhados por dezenas de casas de shows americanas, algumas comemorações oficiais já estão sendo preparadas. Uma delas será a restauração da casa onde Johnny passou sua infância, em Dyess, no Arkansas. A família do músico se mudou para lá em meados da década de 30. O projeto tem a intenção de transformar a residência em um tributo permanente à juventude de Cash, assim como mostrar e induzir à reflexão sobre como era a vida de muitas famílias durante a Crise de 1929. A restauração  está sendo feita pela Universidade do Arkansas.

Além disso, um novo museu dedicado à vida e obra de Johnny Cash será aberto em Nashville no final deste ano. O novo museu será comandado por Bill Miller, um colecionador de memorabilia (termo usado para a coleção de objetos baratos, usados por celebridades), e conterá itens doados pela família.  O museu original, The House of Cash, no Tennessee, fechou em 1999.

E, claro, que uma comemoração a Johnny Cash sem música não seria completa. Haverá a conclusão do projeto American Recordings, com o produtor Rick Rubin, e a continuação da série Bootleg. O CD duplo Bootleg IV: The Soul of Truth, focando a fase gospel com músicas gravadas na década de 70 e 80, será lançado em 03 de abril e contará com algumas gravações inéditas. A Columbia/Legacy planeja outros lançamentos ainda este ano, incluindo uma grande caixa, mas os detalhes sobre esses projetos ainda não estão disponíveis. Para completar, três documentários sobre a vida do Homem de Preto já estão sendo produzidos.

Anúncios